É possível realizar o tratamento de varizes sem cirurgia?

Mais de 38% da população brasileira sofrem com varizes, de acordo com dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV).

Elas provocam sintomas ruins e desconfortáveis, como coceira e dor, e toda a questão estética das veias tortuosas aparentes que comprometem a autoestima.

Porém, existem muitos tratamentos que não são cirúrgicos e que podem ser feitos em consultório. Então, sim, é possível sim tratar as varizes sem precisar recorrer à cirurgia.

Vamos conhecer quais procedimentos são esses?

Tratamento com laser transdérmico:

Com o laser transdérmico, a paciente consegue tratar as varizes sem anestesia e sem necessidade de repouso.

A ação do laser aquece a veia através de tecnologia que atravessa a pele. A veia danificada é então contraída e ocluída.

Muitas vezes, o tratamento é combinado com a escleroterapia para vasos mais calibrosos, gerando resultados ainda mais vantajosos.

O uso do laser sozinho é indicado para tratamento de telangiectasias e vasinhos de menor calibre.

Tratamento de Escleroterapia com Espuma:

O tratamento de escleroterapia com espuma funciona com a aplicação de uma substância esclerosante em forma de espuma na veia varicosa.

Essa espuma induz um processo inflamatório que leva à oclusão total da veia.

A escleroterapia é um procedimento não cirúrgico que funciona para tratar veias mais calibrosas, até mesmo a safena.

A recuperação nesse tratamento é rápida e não há cortes.

Muitas são as opções que permitem ao paciente tratar as varizes sem precisar de cirurgia.

E todas essas técnicas são discutidas com o paciente de acordo com sua necessidade.

Precisa tratar varizes? Procure um médico vascular experiente e realize uma consulta para saber qual o melhor tratamento para o seu caso.

Outras Publicações

Tromboflebite superficial

A tromboflebite superficial afeta principalmente as veias superficiais dos membros inferiores, provocando o surgimento de coágulos sanguíneos nas veias, inflamando e obstruindo parcial ou completamente

Leia Mais »
× Agende sua consulta