O que é Angiologia – Dr. Bruno responde

Muitos pacientes e curiosos na internet perguntam sobre o que é angiologia. A angiologia, nada mais é que, a área da medicina que estuda e trata o sistema circulatório e sistema linfático do ser humano.

É de responsabilidade do médico especializado em angiologia, tratar e cuidar clinicamente dos pacientes com orientações sobre hábitos de vida mais saudáveis, tratamentos e medicamentos que previnam e tratem das doenças ainda em seus estágios iniciais.

Já o cirurgião vascular está intimamente ligado aos tratamentos mais “agressivos”, ou seja, é ele quem vai realizar os procedimentos cirúrgicos nas veias, artérias e sistema linfático. 

Angiologia

 

No Brasil, a angiologia anda de mãos dadas com a cirurgia vascular, recebendo assim o nome de “Angiologia e Cirurgia Vascular”. Já em alguns outros países, a angiologia ainda está atrelada à cardiologia como parte de sua especialidade (na França, por exemplo). 

No entanto, desde o início dos estudos da circulação e sistema cardíaco, percebeu-se a necessidade de concentrar os estudos dos vasos sanguíneos e linfáticos em uma área específica, a angiologia e cirurgia vascular.

 

Sistema Venoso e Arterial

 

Para saber o que é angiologia é preciso também entender o que é circulação arterial e venosa. 

A circulação do nosso sangue, ou sistema circulatório, é um conjunto de tubos que estão localizadas em todo o nosso corpo, e são responsáveis por manter o sangue em constante movimento para suprir as necessidades das células.

No sistema arterial o sangue é bombeado pelo coração e percorre o corpo, levando sangue rico em oxigênio e nutriente. No processo do metabolismo celular, é produzido substâncias tóxicas, que são depositadas no sangue venoso.

Este sangue com impurezas é então transportado pelas veias e retorna ao coração auxiliado pelas bombas musculares (os músculos das pernas) e as válvulas venosas, que trabalham impedindo que o sangue retorne devido a ação da gravidade.

Este sangue é então renovado pelos órgãos e novamente direcionado ao sistema arterial.

O médico especialista em angiologia, vai trabalhar na prevenção, diagnóstico e tratamento de todas as doenças que comprometem o sistema venoso, são elas:

 

  • Varizes
  • Úlcera venosa / Úlcera varicosa
  • Flebite / Tromboflebite
  • Trombose Venosa
  • Insuficiência venosa
  • Má formação venosas
  • Varizes pélvicas
  • Síndrome pós trombótica ou pós flebitica
  • Tromboembolismo venoso

 

Sistema Linfático

 

Semelhantes às veias, o sistema linfático é composto por uma complexa rede dutos, tecidos linfáticos, capilares linfáticos, órgãos e linfonodos que conduzem a linfa, o fluído linfático para o sistema circulatório. 

Este sistema também faz parte do sistema imunológico pois produz células imunes (células que produzem anticorpos, monócitos e linfócitos). Os vasos linfáticos também são responsáveis por drenar o excesso de líquido que sai do sangue e devolvê-lo, purificado, para a corrente sanguínea. 

Cirurgia Vascular

 

Já vimos o que é angiologia e o que faz o médico angiologista ou especialista em angiologia. Agora vamos entender o que é cirurgia vascular e o que faz o cirurgião vascular, observando principais doenças que ele trata.

A Cirurgia Vascular é todo e qualquer procedimento cirúrgico que objetiva trazer o funcionamento normal ou o mais próximo do normal dos vasos sanguíneos. Algumas doenças alteram os vasos sanguíneos, causando problemas na circulação e para que se consiga restabelecer a normalidade do funcionamento da circulação, é preciso que se faça a cirurgia. 

A cirurgia pode ser aberta, ou seja, com cortes que permitam o acesso à circulação profunda para que consiga realizar os reparos ou pode ser endovascular, com cortes minúsculos ou simplesmente sem nenhum tipo de corte, tratando os problemas por dentro do vaso sanguíneo.

O cirurgião vascular está habilitado a realizar procedimentos não invasivos, invasivos e de alta complexidade. Veja algumas das principais doenças que são tratadas pelo médico cirurgião vascular:

 

Aterosclerose

 

A aterosclerose, resumidamente, é o depósito de gordura nas paredes das artérias. Este acúmulo acontece paralelamente ao consumo excessivo de comidas gordurosas e alimentos Industrializados. Obesidade, tabagismo, hipertensão, diabetes e sedentarismo também são fortes aliados para obstruir as artérias.

O não tratamento dessa doença pode provocar até mesmo morte por infarto ou acidente vascular cerebral (AVC). 

 

Curiosidade: O nome artéria vem da palavra ‘ar’ pois, quando morremos, o sangue das artérias é esvaziado e antigamente, quando eram feitas as dissecações dos cadáveres, encontravam-se um cano vazio e criou-se a crença de que por dentro desses canos, percorria o ar e não sangue. 

 

Varizes

 

As varizes, também conhecidas como veias varicosas, são aquelas veias destacadas e dilatadas que aparecem nas pernas e pés, geralmente acompanhadas de dor, câimbras e inchaço, entre outros sintomas.

 

Leia também: Saiba o que causa as varizes nas pernas 

 

Elas se diferem dos vasinhos pois, geralmente não ultrapassam o tamanho e espessura de um simples fio de cabelo, as varizes apresentam cor azulada ou esverdeada e são, em sua maioria, protuberantes na pele sendo mais frágeis a machucados e facilmente perceptíveis ao toque. 

Os tratamentos que existem são focados na retirada das veias que foram danificadas ou, impedindo que por elas circulam sangue novamente. 

 

Trombose

 

A trombose é, essencialmente, a coagulação do sangue em uma ou mais veias do corpo. Elas se classificam em: Trombose arterial e Trombose venosa.

 

Trombose arterial: Quando o coágulo bloqueia o fluxo de sangue na artéria. As consequências mais graves desse tipo de trombose podem ser os acidentes vasculares cerebrais, os infartos e amputações de membros.

Trombose venosa: Existe a trombose venosa profunda que surge quando o sangue que era para ser drenado, represa na perna e geralmente está associado a dor e inchaço naquele local.

Outras Publicações