médico vascular

Quando procurar um médico vascular?

O médico vascular, também conhecido como cirurgião vascular, realiza muitos outros tratamentos que vão além da cirurgia.

Há vários casos em que o paciente pode se tratar sem nem ao mesmo precisar de intervenção cirúrgica, melhorando apenas com o acompanhamento do médico.

Hoje, separamos algumas informações sobre esse profissional para você, vamos ler?médico vascular

O que um médico vascular faz?

Como já mencionado, o médico vascular pode adotar outros procedimentos que não sejam relacionados diretamente com a cirurgia. No entanto, sua principal habilidade está concentrada em realizar procedimentos mais invasivos para tratar doenças relacionadas aos vasos sanguíneos.

Esses vasos sanguíneos são compostos por veias que são responsáveis por levar o sangue para o coração, e artérias que transportam o sangue rico em oxigênio.

Quando esse fluxo de sangue é interrompido ou prejudicado de alguma forma, os sinais aparecem no corpo, podendo levar a pessoa ao óbito caso não seja tratado em tempo hábil.

De forma geral, o médico vascular realiza cirurgias abertas de maior complexidade e procedimentos endovasculares que são menos invasivos.

O melhor desse especialista, é que eles são treinados com técnicas bem específicas de intervenção vascular.

Isso é excelente, já que existe paciente que necessitará de alguma técnica cirúrgica, enquanto terão outros que precisarão de um procedimento mais simples e menos invasivo, além de outros que sequer vão precisar de cirurgia.

Como o médico vascular possui um vasto conhecimento sobre doenças relacionadas aos vasos sanguíneos, conseguem diagnosticar e indicar a melhor alternativa de tratamento para cada paciente.

Uma curiosidade interessante, é que o cirurgião vascular trata as artérias e veias de todo o corpo, menos as do cérebro e do coração. Para esses órgãos, são necessários médicos especialistas para a realização da cirurgia.

Relação do médico vascular com o angiologista

Apesar de serem especialidades separadas, elas tem muito em comum. Basicamente, a atuação do cirurgião vascular, envolve os tratamentos onde exige-se uma intervenção cirúrgica.

O angiologista fica mais responsável pelo tratamento clínico das doenças vasculares, investigando e prevenindo complicações, assim como alguns procedimentos menos invasivos como a escleroterapia. 

O que é Angiologia – Dr. Bruno responde

Quando procurar um cirurgião vascular? 

Você sabia que existem determinadas pessoas que precisam de atendimento com médico vascular mesmo sem apresentar sintomas de qualquer doença vascular?

Pode parecer estranho, mas diabéticos, fumantes e hipertensos estão no grupo de alto risco de desenvolver doenças vasculares.

Pessoas que apresentam predisposição genética a ter qualquer uma doença relacionada, também precisam procurar um cirurgião vascular o quanto antes, para trabalhar a prevenção o mais cedo possível.

Com o avanço da idade, também é recomendado a consulta com esse profissional, para realizar exames de rotina e ter certeza de que tudo está bem.

Mas, no geral, os pacientes são encaminhados para um cirurgião vascular pelo seu médico de cuidados primários, como um clínico geral ou de outra especialidade. 

A principal causa de doenças arteriais periféricas é a aterosclerose, que também provoca problemas coronarianos e acidente vascular cerebral, também conhecido como AVC. 

Assim, o cardiologista que acompanha um paciente com doença nas coronárias pode identificar ou suspeitar de um problema arterial em outra localização e encaminhá-lo a um cirurgião vascular.

A mesma situação pode ocorrer com o neurologista que trata de um paciente com AVC, que tem entre as principais causas uma obstrução da artéria carótida.

A própria obstrução da carótida, assim como doenças como aneurismas arteriais, pode não trazer sintoma algum, aparecendo em exames realizados para investigação de outras doenças. Quando identificados, os médicos que solicitaram tais exames encaminham os pacientes para um cirurgião vascular.

Em outras situações, como acontece com as varizes ou vasos menores que causam incômodo estético, o paciente acaba procurando diretamente a assistência de um cirurgião vascular. Dores nas pernas e inchaço levam também frequentemente o paciente a procurar espontaneamente um cirurgião vascular.

Conclusão

Se você tem sentindo algum incômodo fora do normal, como cansaço nas pernas e sensação de peso, é altamente recomendável procurar um médico vascular.

Estar no grupo de risco também é fator determinante para procurar esse profissional. Como sempre mencionamos por aqui, o melhor tratamento sempre será a prevenção. 

Não procrastine sua consulta, entre em contato conosco através do WhatsApp disposto na lateral do site e agende um horário.

 

Outras Publicações

Salvamento de Membro

A angioplastia de membros inferiores é uma espécie de cirurgia minimamente invasiva, que serve para desobstruir as artérias dos membros inferiores.  É realizada através da

Leia Mais »
× Agende sua consulta